DOM ERCILIO TURCO | Paroquia Nossa Senhora do Monte Serrate

DOM ERCÍLIO TURCO COMEMORA 55 ANOS DE VIDA SACERDOTAL

 

Dom Ercílio Turco nasceu em 13 de março de 1938 em Campinas/SP. Foi ordenado sacerdote na Catedral Metropolitana de Campinas, no dia 1º de dezembro de 1963 (aos 25 anos), por Dom Paulo de Tarso Campos, Arcebispo Metropolitano de Campinas. Em 18 de novembro de 1989, foi nomeado – pelo Papa João Paulo II – o 3º Bispo de Limeira, sendo ordenado no dia 4 de fevereiro de 1990, por Dom Gilberto Pereira Lopes, Arcebispo Metropolitano de Campinas, tomando posse em 8 de fevereiro de 1990.

Escolheu como lema de seu episcopado: Evangelium Dei Evangelizare (Anunciar o Evangelho de Deus) colocando a evangelização como prioridade de seu serviço episcopal. No seu governo pastoral sempre se preocupou com a formação teológica e pastoral dos agentes leigos e leigas, criando 3 Escolas Diocesanas: Escola Catequética, para formação de catequistas, em Araras, cujos trabalhos iniciaram-se em março de 1993; Escola de Educação Política, também em Araras, com início de funcionamento em fevereiro de 1998; Escola de Teologia para Leigos, que iniciou seus trabalhos em Limeira, em fevereiro de 1999, conveniada com o Instituto de Teologia da PUC de Campinas e a UNICAMP.

Em 24 de abril de 2002 foi transferido, pelo Papa João Paulo II, para a Diocese de Osasco, tomando posse em 30 de junho do mesmo ano. Na Diocese de Osasco, dedicou-se ao desenvolvimento do processo formativo dos novos padres, organizando a equipe de formadores, reitores e diretores espirituais para cada curso e ordenando 52 padres, e criou 30 paróquias.

Foi responsável, ainda, pela criação da Pastoral da Comunicação (PASCOM) incentivando os Encontros de Comunicadores (ENCOM). Criou o Setor Juventude nomeando padres representantes de cada Região Pastoral e um padre assessor diocesano. Em 2005, retomou a Romaria Diocesana ao Santuário Nacional de Aparecida, no dia 1° de maio, dia do aniversário da Diocese, tradição que continua até hoje.

Conforme o cânon 401.1, do Código de Direito Canônico, apresentou sua renúncia – por motivo de idade – ao Santo Padre Francisco, no dia 14 de março de 2013, sendo que a renúncia foi aceita no dia 16 de abril de 2014.

Como Bispo Emérito tem se dedicado a uma vida intensa de oração, celebrações em paróquias da diocese, assim como em tríduos, novenas e festas de padroeiros; e ministração do sacramento da Crisma, quando solicitado pelo bispo diocesano. Também, concelebra nas celebrações diocesanas.

Deixe uma resposta

Fechar Menu